Xylella fastidiosa em Mirtilo – Portugal

No último ano, não raramente, temos encontrado plantas de mirtilo com a folhagem apresentando o aspecto constante nas duas fotos seguintes a este “post”.
Os sintomas apresentados nas fotos são suspeitos, não confirmados, da potencial infecção com a bactéria Xylella fastidiosa.

Em Janeiro de 2019 a presença, em Portugal, desta bactéria, foi oficialmente declarada, tendo sido confirmados, até ao momento 13 focos. (Para já a região tampão concentra-se no concelho de Gaia).

A doença não tem tratamento, é altamente infecciosa entre plantas, mas apenas através da picada de insectos (vetores). Não se transmite pela água de rega nem pelo contacto entre plantas.
O mirtilo é uma das plantas susceptíveis e o alerta aplica-se, também, a essa doença.

De momento, as medidas adoptadas pelo Ministério da Agricultura limitam-se à eliminação de todas as plantas num raio de 100 metros em torno da planta ou foco detectado e confirmado positivo.

NENHUMA INDEMNIZAÇÃO está prevista ser dada ao proprietário no caso de ser obrigatório o arranque e queima das suas plantas. Acessoriamente é, também, aplicada uma proibição de replantação até confirmação de erradicação da doença.

As fotografias abaixo reproduzidas correspondem a plantas que não foram avaliadas como estando ou não doentes, por opção dos proprietários. Pelo que os sintomas podem estar associados, meramente, a outros incidentes, como virus. Porém, o procedimento é perigoso.

Compreende-se a relutância dos Sr.s produtores em chamar os serviços sanitários do Ministério da Agricultura, pois é muito grande o risco de poderem perder as suas plantações e ficarem, assim, em situação de carência económica e sem indemnização.

Apelamos a que as organizações de produtores e os produtores não agrupados pressionem o Ministério da Agricultura no sentido de ser assegurada a garantia de indemnização pela perda do potencial produtivo, caso a medida de “destruição total” do seu pomar venha a ser decretada, em nome do interesse comum, à semelhança das indemnizações cíveis por “expropriação por utilidade pública” ou no caso de abates sanitários de animais. Pensamos que, só desta forma, é possível incentivar a colaboração de todos a fazer a detecção de todos os casos que, realmente já existem em Portugal e, assim, aplacar eficazmente estre problema de grande gravidade para o nosso país.

20150916_191000.jpg

 

20150916_191000.jpg

Anúncios

Mirtilo – Saldo de plantas 2019

Como é tradição da nossa empresa, nesta altura do ano liquidamos os excedentes de plantas da campanha de Inverno.

De momento temos à disposição, por excesso, em vaso de um litro:

500 x Liberty – preço apenas ! 2.2€/planta

1.100 x Bluecrop Preço 2.1€/planta

700 Draper – preço 2.5€ /planta

Não inclui IVA nem transporte. Os clientes interessados devem contactar pelo e-mail agriminho@gmail.com.
Os primeiros contactos serão os primeiros a ser servidos. A entrega terá que ser feita até 15 de Abril.

 

A entrega pressupõe o pagamento antecipado.

SALDO – BIOESTIMULANTES

Aproveite a oportunidade para adquirir já, em saldo, o nosso fim de stock de produtos bioestimulantes. (veja os preços em baixo)

Especialmente somos fãs do Nitrocode. Azoto gratuito, especialmente interessante para produções em modo Biológico. (assim como quase toda a gama)!

 

Rhino 1L (Aumento hormonal natural do tamanho e peso da fruta) 21,03€
Borko 1L 3,86€
Borko 5L (fonte de boro, fundamental na floração) 15,32€
Bombardier sugar 5L (Fórmula do bombardier melhorada para aumento da matéria seca, maior conservação pós colheita e grau brix) 26,21€
Katon Nature 1L (nutrientes orgânicos) Bio 3,06€
Bioalgax 20L (Estimulante hormonal de grande potência à base de algas) Bio 91,52€
Nitrocode AZ+  1L  (bacterias produtoras de azoto nas raízes) Bio 27,30€
Espartan 20L 22,08€
Espartan 5L 6,00€
Espartan 1L (Matéria organica vegetal estimulante) Bio 2,36€
Caos XT 5L (cálcio quelatado) Bio 14,59€
Caos 5L (fonte de cálcio) Bio 8,72€

Para quem conhece é oportunidade para, no início da campanha, adquirir poupar adquirido a preços que não encontrará no mercado. Para quem não sabe os benefícios dos produtos por nós seleccionados é a oportunidade de conhecerem a gama e experimentarem!

ENCOMENDA PELO E-MAIL  AGRIMINHO@GMAIL.COM

Acresce iva a 6% e custos de entrega e transporte.

Reservas de plantas de framboesa Inverno 2018/19

Para ser bem servido, e ter acesso, em tempo oportuno, às variedades remontantes de framboesa de maior sucesso actualmente na Europa e em Portugal, para plantação no próximo Inverno, melhor ocasião para instalação das plantas em raiz nua ou só sementeira de raiz, das variedades propagadas e vendidas pelo viveiro RW Walpole, deve colocar JÁ a sua reserva, idealmente até ao próximo mês de Agosto!!!

Algumas variedades têm muita procura e facilmente esgotam, de modo que não se deve, de todo, atrasar.

Por favor contacte-nos através do e-mail agriminho@gmail.com ou telefone 919056253

Tulameen, cascade delight, glen ample, octavia, enrosadida, paris, versailles, kwelli, kweli, kwanza, mapema, sweet, jewell.

Apresentação das novas variedades de mirtilo Titanium e MegasBlue

Titanium – Patente 26795

Desenvolvida no Oregon – EUA, é uma variedade Norte muito temporã, que em Portugal deverá ter a sua época de produção enquadrada, provavelmente, na semana de produção da Duke, com ligeira antecipação ou atraso, dependendo do local.

Deve apresentar frutos de grande calibre tipicamente 17 – 20mm, pequena cicatriz, produzindo em cacho aberto, maturação concentrada e grande qualidade pós colheita, com excelente conservação muito superior às Draper e Duke.

Produção esperada de acordo com as médias nos EUA– 20 toneladas/hectare

Arbusto erecto, vigoroso, e tolerante a uma grande variedade de doenças, mas ainda em confirmação.

Provavelmente destronará a Duke nas preferências de produtores e mercados.

Se está interessado em adquirir estas plantas e ser o primeiro a testá-las em Portugal por favor confirme as condições no seguinte Link AGRIMINHO

Titanium-Blueberry_Oregon-Blueberry-Farms.jpg

Titanium

MegasBlue– Patente 26,796

Desenvolvida no Oregon, é uma variedade Norte de meia estação, com datas fenonógicas ainda não definidas em Portugal.

Deve apresentar frutos de calibre médio, semelhante a Bluecrop, porém, é muito mais produtiva, esperando-se produções entre 20 e 25 toneladas/hectare nos melhores produtores, tal como nos EUA.

Destaca-se por ser um fruto de maturação homogénea, sem ombros rosados, sendo a colocação algo a destacar na variedade.

A polinização cruzada é altamente recomendada, para potenciar o máximo de produção.

Possibilidade de, em caso de mal conduzida, produzir em excesso com compromisso do calibre, sendo relevante o aperfeiçoamento da técnica de poda.

Comportamento da planta ascendente, não ereta.

Se está interessado em adquirir estas plantas e ser o primeiro a testá-las em Portugal por favor confirme as condições no seguinte Link AGRIMINHO

MegasBlue-Blueberry-Fruit5.png

Megasblue

Reserva Plantas TESTE – Novas variedades TITANIUM e MEGASBLUE

É um grande privilégio para a AGRIMINHO ter sido escolhida para apresentar em Portugal as duas novas variedades de mirtilo TITANIUM e MEGASBLUE.

Estas duas variedades ENTRARÃO  em teste em PORTUGAL no Inverno 2018-2019.

Em colaboração com o viveiro detentor da patente na Europa, a AGRIMINHO pretende escolher um grupo de 15 produtores para testar as primeiras plantas a ser plantadas em Portugal.

Para este efeito procuramos produtores que:

– Tenham pomares em produção há, pelo menos, 3 anos;

– Detenham uma área útil em produção de pelo menos 1ha numa só parcela;

– Tenham tido produções, ao 3º ano de pelo menos 5 Toneladas/hectare

– Se encontrem a norte do Rio Tejo.

Cada produtor terá o direito de adquirir 25 PLANTAS de cada uma das duas variedades, ou seja, um total de 50 plantas.

A escolha dos produtores será realizada, por desempate, por um técnico do INIAV, da AGRIMINHO e da MINHOBERRYCOOP.

O produtor obriga-se a:

– Não propagar por qualquer meio as plantas recebidas;

– Deverá permitir o acesso a técnicos da AGRIMINHO ou quem por esta designada, assim como o agendamento de visitas para demonstração;

– Cumprir um programa de aplicação de bio-estimulantes, defensivos e fertilizantes, complementar ao já praticado;

– Cumprir com as indicações de poda e condução que possam ser definidas;

Se está interessado em adquirir estas plantas e ser o primeiro a testá-las em Portugal por favor contacte a AGRIMINHO através do:

e-mail – AGRIMINHO@GMAIL.COM

Indicando:

  • Nome
  • Morada da plantação e de correspondência
  • Número de Contribuinte
  • Número de Telefone
  • Cópia do Parcelário indicando a localização onde pretende plantar as plantas.
  • Fatura que comprove que instalou o pomar há pelo menos 3 anos

Titanium-Blueberry_Oregon-Blueberry-Farms.jpg

Titanum

Chegaram os primeiros Goji doces e resistentes ao Oídio.

Há muito aguardadas, chegaram aos produtores portugueses as primeiras plantas do promissor clone de Goji resistente ao Oídio, não adstringente FPW07!

Boa Sorte!!!

 

Em breve teremos mais novidades!!!

https://agriminho.wordpress.com/2017/09/26/goji-fpw07-o-dobro-da-colheita/

https://agriminho.wordpress.com/2017/09/15/goji-nova-variedade-fpw-07/

P1170926.JPG

P1170082

Imunidade ao Oídio.